O Treino De Cardio Para Endurecer Abdominais

No Comments

O Treino De Cardio Para Endurecer Abdominais

Com este treinamento queimar mais calorias a cada vez que você trabalha seus músculos abdominais, ajudando a reduzir a gordura da barriga mais rapidamente. Faça estes exercícios como rotina de exercícios aeróbicos, como complemento de um treinamento de força até 4 vezes consecutivas por semana, para obter resultados six-pack com suplementos emagrecedores a base de colágeno hidrolisado como colastrina e outros. E, é claro, não se esqueça de acompanhar o treinamento de uma dieta saudável e equilibrada, para obter melhores resultados.

Exercício #1: homem-Aranha com salto

Ativa seus músculos abdominais e queima algumas calorias extra com este exercício de cardio que simula estar escalando”. Começa com os pés juntos e os braços estendidos acima da cabeça. Começa a fazer os movimentos sem se deslocar do site: separa bem os joelhos e, enquanto carrega para cima joelho direito, acompanhando do braço direito. Em seguida, repete-se o mesmo com as pontas esquerdas. Alterne os lados o mais rápido possível em um máximo de 60 segundos. Se achar muito complicado, começa apenas com o movimento de pernas, já que os abdominais também têm que trabalhar duro para trazer os joelhos para os lados do tronco.

Exercício #2: Squads

Este exercício dinâmico centra-se na parede abdominal e os oblíquos, ao mesmo tempo em que mantém o ritmo cardíaco elevado. Começa com uma postura de ferro, com os pés juntos, os ombros, sobre as mãos, e contraindo o abdômen. Realiza um salto mantendo os pés juntos, para o joelho direito, a cada vez que você gira os joelhos para o mesmo lado. Rapidamente, volta para a posição inicial com um salto (isso é uma repetição) e repita alternando de um lado e do outro, um total de 20 vezes. Se estiver muito difícil, em vez de saltar com os pés juntos até onde está cada mão, pisa rápido primeiro com um pé, e depois com o outro, até que esteja preparado para fazê-lo completo.

Exercício #3: Kickboxing – mãos ao joelho

Este movimento inspirado no kickboxing ajuda a reduzir e fortalecer a linha da cintura, mantendo o ritmo cardíaco, na zona de queima de gordura. Fique de pé sobre a perna esquerda, com a perna direita estendida para o lado e faça um leve toque do pé direito contra o chão, cada vez que estende os braços por cima da cabeça.

Com o abdômen contraído, dobre o joelho direito e leve-a para o seu ombro esquerdo, uma vez que baixas os braços para depositar as mãos sobre a coxa direita. Rapidamente, volta para a posição inicial e repete o mais rápido possível, durante 30 segundos, e depois muda de lado, e repete-se por mais 30 segundos. Você quer fazer isso mais difícil? Faça o mesmo, mas com um salto, de forma que até mesmo incrementas ainda mais o ritmo cardíaco para obter uma maior queima de gordura.

Exercício #4: Saltar em uma perna

Essa variação do exercício de sapo é um desafio cardiovascular adicional para os músculos abdominais, que só consiste em remover uma perna. Começa com a posição de prensa e dobre o joelho direito, cerca de 90 graus, levantando para o telhado o pé direito. Flexiona a perna esquerda e salta com o pé esquerdo em direção ao centro, levando ambos os joelhos para o peito, mas mantendo o pé direito no ar. Com um salto, volte à posição inicial. Isso é uma repetição. Faça 10 repetições o mais rápido possível e depois muda de pé e faça outras 10 repetições. Se estiver muito difícil, faça o sapo tradicional, com os dois pés juntos, até que você se senta com força suficiente para fazer esta variante.

Exercício 5: Combo boxer

A rotação do corpo a um ritmo acelerado, seguido de um movimento de agachamento, ou seja, no que consiste este exercício, é uma forma de esgotar abdominais enquanto aceleras o bombeamento de seu coração ao mesmo tempo. Começa colocando os pés a uma distância ligeiramente mais larga do que os quadris, com o pé esquerdo frente e a direito para trás. Dobre as cotovelo, e com as mãos, com os punhos fechados e a altura do queixo, lança um golpe com o braço esquerdo à altura do ombro, girando a palma da mão para baixo (evite bloquear o cotovelo).

Depois, volte imediatamente o braço à posição inicial e faça o mesmo com o braço direito, mas desta vez, levanta um pouco o calcanhar direito no chão, como se pivotaras sobre ele, e ele acompanha o golpe com uma rotação de quadril. Volte para a posição inicial, e rapidamente ponte de cócoras, mantendo os braços em guarda e com a coluna reta e os joelhos atrás dos dedos dos pés. Isso é uma repetição. Repita quantas vezes puder durante 30 segundos, e depois muda de lado e repete, desta vez com a rotação do quadril para o outro lado.

Exercício 6: Ferros com chute lateral

Constrói agilidade e coordenação com este exercício que combina cardio e força para seus abs. Ponha-se em posição de ferro, contraindo o abdômen. Mova o pé esquerdo para fora, de forma que a ponta do pé, olhe para a parede que fica à sua esquerda, e depositar o peso de seu corpo e gira sobre ele, uma vez que sua perna direita, passa por baixo e acabou dando um chute para a esquerda. Para isso, você terá que levantar a mão esquerda do chão. Volte para a posição inicial, mantendo sempre os abdominais apertadas.

É um pouco complicado de entender, não? Por isso melhor, veja o vídeo. Apesar de que no filme, repita o exercício para o mesmo lado algumas vezes, nós iremos alternando de um lado e outro, até um total de 10 repetições para cada lado. Faça-as o mais rápido que puder.

Exercício 7: Jumping jack para cima e para baixo

Os famosos saltos de estrela blue caps turbo, levados a outro nível, literalmente. Fique de pé com os pés juntos e os braços para os lados. Dobre os joelhos e coloque rapidamente em cócoras no chão, colocando as mãos na linha abaixo dos ombros e com um salto, ao mesmo tempo, solta as pernas para trás,  em posição de prancha. Mantenha os abdominais apertadas e, com um salto, sem abandonar a postura, abre e fecha as pernas 4 vezes. Em seguida, com outro salto, sobre os pés, as mãos e blue caps turbo. Repete-se tantas vezes quanto você pode em um minuto.

Categories: blog

Abdômen Perfeito Com 5 Chaves De Ouro

No Comments

Abdômen Perfeito Com 5 Chaves De Ouro

Obter uma barriga bem cuidado e marcado é uma das principais motivações de diferentes atletas para começar a fazer exercício com regularidade. Seja para aspirar a um ventre liso para um marcado, trata-se de um processo que custa tempo, esforço e, por conseguinte, paciência e disciplina constante, mas as bases para complementar são muito parecidas Por isso, apresentamos-lhe 5 chaves para fortalecer e marcar bem os seus abdominais:

1. Controle sobre os carboidratos

Já foi dito muitas vezes antes que os hidratos de carbono são o inimigo e não é bem verdade. No entanto, não é recomendável cortar drasticamente a ingestão de carboidratos para o corpo, e menos ainda quando falamos de uma dieta em que é importante que um metabolismo adequado nos impeça de ter a tentação de ir bicando. Além disso, suprimir esses alimentos nos dar a sensação de cansaço e estaremos de mal humor.

Não devemos esquecer que fazem parte vital de nossa pirâmide alimentícia e isso não se pode mudar, dado que o nosso cérebro nos exigem constantemente para funcionar corretamente. No entanto, um consumo algo reduzido ajudá-lo a que o nosso corpo metabolize mais depressa e temos mais energia para a massa muscular”, segundo Tim McComsey, fundador de TrymFitness.

Como com tudo, o segredo é usá-los adequadamente, e para isso temos que conhecer o nosso metabolismo natural, ser sinceros com a nossa dieta base e o compromisso com a nova que você escolher. Um grande exemplo é um aporte a primeira hora da manhã, e outra após os treinos.

2. Comer mais gordura

Como foi mencionado outras vezes, a gordura, propiamente não engorda. O que engorda é comer em excesso. De fato, o consumo de gordura na dieta diária vai ajudar a frear os anseios e a fome depois de que se tenha reduzido o consumo de carboidratos.

As gorduras ajudam a controlar o apetite, já que o corpo leva mais tempo para se decompor, usar e/ armazenar gorduras. Além disso, mencionar que as gorduras podem ser acompanhadas de fontes de proteínas, sem as quais o desempenho muscular se vê impedido, pelo que o consumo de ambas unidas com suplementos de ponta como quitoplan e outros como whey e glutamina é algo recomendado sempre e quando seja sob doses saudáveis.

3. Substituir as frutas por legumes

Um dos muitos mitos sobre fazer esporte é pensar que a ingestão de frutas é essencial e obrigatória, e não é exatamente assim. A fruta é grande, cheia de nutrientes e antioxidantes para proteger o organismo, mas o problema é que, por sua vez, também são uma enorme carga de açúcares.

Como podemos manter todos esses benefícios e prescindir de tanto açúcar? Troque as frutas por legumes e tome chá de café verde. Uma maçã tem cerca de 125 calorias e 25 gramas de carboidratos, enquanto que um pimentão vermelho grande tem 40 calorias e 5 gramas de carboidratos. Faça contas.Esta estratégia irá ajudá-lo a manter os nutrientes e antioxidantes, uma vez que mantém um nível de açúcar, antioxidantes e carboidratos.

4. Exercícios abdominais com peso adicionado

Não podemos esquecer que, para ter uma barriga marcado o mais importante é fazer exercício. Quanto mais exercício, mais marcarás os músculos trabalhados. Não é tanto o esmagamento das máquinas de cardio, como sentar-se a fazer algumas séries de abdominais ou outros exercícios para manter a forma exigente. O cardio reduz-se, o peso aumenta e marca.

O músculo se ganha à base de exercê que faça (sobretudo ao levá-lo progressivamente o limite de suas capacidades), de maneira que correr te ajuda a reduzir gordura, mas isso não completará o ciclo se procura um tanquinho. Com o cardio não se consegue estimular o músculo, como quando se faz musculação, por isso recomenda-se organizar exercícios de abdominais com pesos regularmente, entre 3 e 4 vezes por semana. De preferência, recomendamos o ginásio, já que é a variedade de exercícios (em variedade de máquinas), o que força o músculo, o que o obriga a crescer. Teste com intervalos de 20 minutos entre os exercícios de abdominais rápidos e lentos.

5. Descarta os destilados

Um atleta sério que pretende perder peso e conseguir uma forma marcada se coloca seriamente o uso do álcool ao saber seus efeitos no corpo. Faz com que a gordura se acumule em vez de convertê-lo em energia, já que, essencialmente, é uma pausa na digestão de sua última refeição até que o fígado possa excretar o álcool. Também afeta outras duas áreas. Por um lado, por ser diurético, desidratado em potência e reduz os níveis de energia. Por outro lado, pode diminuir a testosterona no corpo, algo que é essencial para o desenvolvimento da musculatura.

Não obstante, há bebidas que medidas poderão resultar em benefícios em outros aspectos, embora o uso depende sempre do próprio critério.
Em qualquer caso, recomendamos que, se sais de festa, combina o consumo de cervejas, licores com um refrigerante dietético. Depois opte pela água mineral com gás e limão, assim se reidratara e recuperará os sais necessários para devolver o equilíbrio ao seu organismo.

Não há que esquecer que os bancos continuam a ser algo que já sabíamos anteriormente: manter uma dieta equilibrada e uma rotina de exercícios para abdômen, para fazer com que o tempo faça seus efeitos. O corpo é um templo e há que cuidar dele, há que respeitá-lo, e no caso de fazer algo que sabemos que o prejudica, agir em conformidade para reformá. Essa é a base para conseguir não só uma barriga marcado, mas a saúde física integral.

Categories: blog

Como Tomar As Rédeas De Sua Alimentação

No Comments

Como Tomar As Rédeas De Sua Alimentação

Você sente que seus hábitos alimentares estão um pouco fora de controle?Você começa a baixar de peso e, em seguida, voltar a recuperá-lo? Como sua batalha contra a comida é porque, na verdade, só quer levar uma alimentação normal”? Aqui deixamos algumas dicas para que você volte a tomar as rédeas de sua dieta.

É muito comum encontrar pessoas que, com toda a leveza, asseguram comer e não engordar”. Geralmente, essas pessoas não dedicam muitos de seus pensamentos ou de suas energias para a questão da alimentação. Simplesmente comem quando estão com fome, eles escolhem a comida que você realmente gosta, e param de comer quando se sentem satisfeitos. Parece muito simples e lógico. Mas, para muitos outros não o é.

Se todas as batalhas contra o seu corpo e a sua alimentação têm como denominador comum o desejo de alcançar uma alimentação normal”, há algo que deve saber: não existe uma alimentação normal, em si mesma, portanto, a norma é sempre diferente para cada pessoa. O caminho mais seguro e direto para aproximar-se a uma alimentação equilibrada é abandonar as dietas rígidas e degenerativas, para começar a entrar em sintonia com nosso corpo e fazê-lo caso a nossos próprios registros de fome. Tu és o único que sabe o que significa uma alimentação normal para ti.

Faça o exercício de se lembrar aqueles anos em que seus ingestão de alimentos não representavam um problema para você. Talvez precise retroceder para a universidade, até à infância. A maioria é capaz de se lembrar daquele momento em que a alimentação não significava um tema de maior importância e, naturalmente, manter um peso estável era algo possível. Então, qual a comida escolhias? Qual descartas? O Preferías três refeições pesadas pequenos lanches em seu lugar? Você tem mais pistas se este tema em nosso blog

Devemos entender que nosso corpo é sábio, mais sábio do que qualquer dieta milagrosa de moda. Ninguém mais do que ele sabe quando, o que e quanto comer. No entanto, por causa do bombardeio constante de informações sobre o que comer e o que evitar (em que horários e quantas vezes por dia/semana/mês), deixamos de prestar atenção aos sinais que nos envia. Para alcançar uma dieta consciente, é fundamental voltar a sintonizar com o nosso corpo. Aqui se agora revelado algumas dicas para isso.

Durante dois dias, só come quando sente fome. Aceita o desafio de alimentar-se apenas quando o seu corpo se solicitado. Estamos tão acostumados a comer a certas horas do dia, que ignoramos por completo os sinais de nosso organismo. Às vezes até nos esquecemos o que implica sentir fome. Faça a tentativa durante os dois dias de comer apenas quando se sentir verdadeiramente com fome (e não quando você estiver entediado).

Muitas vezes, a dificuldade para se chegar a uma alimentação consciente é dada pelo lado das restrições. É muito comum em nossa batalha para perder / manter o nosso peso, a remoção por completo certos alimentos hipercalóricos, como os doces e os carboidratos. O problema é que, enquanto vamos manter essa lista de indesejados”, o único que temos é pensar mais e mais sobre eles. As reservas impostas ao lazer, incitam o prazer de viver sem reservas. Então, a alternativa é aprender a lidar com a ansiedade e começar a se relacionar com aqueles alimentos proibidos” de um modo mais saudável.

Se a sua perdição são os chocolates, então compra-se o que você mais gosta e aprenda a reservá-lo para aquele momento em que seu corpo realmente solicitado. A certeza de que você pode comer aquilo que se produz prazer cada vez que sinta muitos desejos de fazê-lo (sempre em porções razoáveis), fará descer, o seu grau de ansiedade e pode começar a tomar o controle sobre a sua ingestão diária. Encontre em nosso blog maneiras de relacionar-se com esses alimentos proibidos”.

Finalmente, para vencer esta batalha, você deve estudar o seu corpo. A não todas as pessoas, a comida vai se sentir da mesma forma. É fundamental que você descubra quais são os alimentos que se produzem maior prazer, quais menos, quais são aqueles que te dá energia e que te tiram. Se você está permanentemente à procura de alternativas para a sua refeição de baixas calorias todos os dias, então você não está ganhando o suficiente prazer na sua ingestão diária.

Talvez você precise adicionar um pouco de proteínas e de gorduras saudáveis em seu cardápio diário, sempre em porções razoáveis. Assume a tarefa de detectar quais são os sabores que te reanimaram e quais se fazem vincar o cenho, e começa a incorporar alguns e excluir outros, com a certeza de que apenas alcançarás um peso estável e saudável, se você deixar de batalhar contra a comida e começar a se relacionar com ela de um modo mais saudável.

Categories: blog